Am Israel Chai

Yom Hazicaron

Parecem tão jovens. São meninas e meninos de todas as cores, em seus uniformes mais ou menos cuidados. Uns mais sérios, já com ares de autoridades, outros, ainda com sorriso infantil, prontos para uma brincadeira.

Todos estão lá, homenageando os companheiros, que náo voltaram do campo de batalha. Todos encontrando famílias, como as suas, que sempre têm alguém para lembrar, nesse dia. Mães e pais, que perderam os seus filhos. Filhos pequenos, que perderam seus pais.

Cemitério Monte Hezl

Estamos falando de Iom Hazicaron, o dia em que o Estado de Israel reverencia os seus militares e as vitimas do terrorismo. Governo e oposição, religiosos e seculares, esquerda e direita se unem para dizer o Izkor para esses heróis, que desde 48  garantem a existência do Estado de Israel.
Às 11 horas, o toque da sirene atravessa o território israelense com a  mesma intensidade, que a da dor de cada cidadão desse país.Flores e velas  cobrem os túmulos  dos jovens heróis.

Monumento submarino Dakar

Eu escolhi homenagear um dos marinheiros, que desapareceram no afundamento do submarino Dakar em 1968. Era um menino de 21 anos.
À noite, o país já coberto de azul e branco vai festejar Iom Haatzmaut.
Vou cantar junto com todos os meninos e meninas de uniforme o Hatikva.

AM ISRAEL CHAI!

2 Comentários

  1. Alice Burla
    Alice Burla 2 de maio de 2017 at 0:47 |

    Sarita vc teve oportunidade de vivenciar na nossa sagrada terra. Lindo!

    Responda este comentário
    1. ISRAEL BLAJBERG
      ISRAEL BLAJBERG 3 de maio de 2017 at 16:09 |

      muito original o monumento ao dakar, representando um submarino em concreto.

      Responda este comentário

Comente