Artesanato ajuda a melhorar a qualidade de vida dos idosos

visite o nosso site: www.lardejacarepagua.com.br

Sabemos que uma casa bem decorada é capaz de deixar qualquer lar mais aconchegante. É essa a razão que motiva muitas pessoas a investirem no artesanato para enfeitar o ambiente com objetos exclusivos e, claro, mais organizado. Mas você sabia que o artesanato traz benefícios também para a saúde? As técnicas ajudam a manter a mente mais ativa.

Pesquisadores da Universidade da Califórnia, Berkeley, recentemente apontaram que atividades cognitivas são a melhor maneira de exercitar o cérebro e, consequentemente, preservar a memória. Entre algumas que ajudam a desenvolver as funções cognitivas estão: a leitura, escrita, jogos e trabalhos manuais como o artesanato e a pintura.

Amigo da memória do idoso

É por este motivo que o artesanato é recomendado para quem já está na terceira idade, especialmente, para aqueles que não têm a memória igual nos tempos de juventude. A arte estimula a criatividade e faz com que o idoso exponha suas ideias e aptidões ajudando a exercitar a mente.

Além disso, outra pesquisa realizada pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo aponta que idosos que realizam tarefas simples como corte, costura, tricô, trabalhos em madeira e colagem são sete vezes menos propícios a apresentarem demência do que os que não costumam realizar atividade alguma.

Comente