Jovens e idosos

A relação entre jovens e idosos pode ser bastante proveitosa para ambos os lados. Seja com crianças da própria família ou de uma escola local, os idosos podem obter vários benefícios a partir da interação com pessoas jovens. Os jovens, por sua vez, podem aprender muito com as histórias de vida dos idosos e talvez mesmo com suas possíveis experiências e habilidades profissionais. Talvez o mais básico destes benefícios seja suprir a necessidade humana de companhia e um senso de ter um propósito na vida.

Os benefícios do convívio entre jovens e idosos

Compartilhar experiências

Eles viram guerras, assistiram a vinda da televisão para o Brasil, sofreram com a ditadura, proclamaram a paz na época do Festival de Woodstock. Não esqueça disso, os idosos possuem ricos conhecimentos para compartilhar com os mais novos e, compartilhando sua sabedoria e conhecimento com crianças, eles podem se sentir com um propósito renovado, livres do tédio ou com a vitalidade aumentada. Estes sentimentos positivos podem ser aumentados quando um idoso compartilha um interesse ou paixão, como a pesca ou uma forma de artesanato como a costura, com a criança. Já os jovens de hoje praticamente nasceram na frente de um computador e só isso já é capaz de abrir um mundo completamente novo aos mais velhos que também adoram aprender coisas novas.

Presentes

As crianças podem por vezes presentear os idosos que visitam com presentes feitos à mão em casa ou na escola. Receber presentes como chinelos, travesseiros, cobertores ou até flores faz com que qualquer um se sinta lembrado e valorizado.

Um dos benefícios essenciais que as crianças podem oferecer aos idosos é a companhia. Isso mesmo, nada mais simples e agradável do que uma boa companhia. Isto ocorre especialmente no caso em que os idosos em questão não moram mais em suas casas, mas se mudaram para asilos ou outras instituições de assistência. Passar um dia em uma livraria, parque ou local de pescaria, jogar jogos de tabuleiro, videogames e cartas permite que crianças e idosos criem laços enquanto participam de atividades recreativas. Os idosos podem também dar aulas de alguma matéria escolar específica, por exemplo. Estas atividades podem dar a eles um senso de alegria e objetivos. Porque Tom Jobim já dizia: “É impossível ser feliz sozinho”.

 

Comente