Notícias da semana…

Enquanto o Brasil se afunda na lama com notícias sobre corrupção, violência, corrupção, violência e corrupção, violência, o mundo continua a girar. Fazendo um paralelo, com o que acontece lá e com o que acontece aqui, chego à conclusão que o ser mais feliz, nesse exato momento, no nosso planeta é o avestruz, isso enquanto houver buraco na terra para se esconder.

Vamos às notícias?

Turista pega 3 meses de cadeia após tocar ombro de uma policial de Dubai

Policiais em Dubai

Se você pretende incluir Dubai no seu próximo roteiro de viagens, atenção para as regras pra lá de modernas daquele país dos Emirados Árabes. O melhor mesmo é fazer um curso intensivo do que é ou não é permitido naquele deserto de luxo, pois na última semana, um turista de 49 anos pegou três meses de cadeia após tocar no ombro de uma policial. O desavisado casaquistanês queria, apenas, pedir informações, mas foi mal interpretado e acabou condenado por abuso sexual.

Enquanto isso, aqui no Brasil continua a árdua e complexa discussão sobre o significado do homem nu num Museu de Arte Moderna.

Fico pensando no que aconteceria, se a exposição Queermuseu fosse parar por  lá, no outro lado do planeta (ou será de outro planeta?), uma vez que se um  simples toque no ombro de uma mulher é considerado  abuso sexual o que não seria, um homem nu deitado no chão? Melhor nem pensar…

Nova Jersey tem parada zumbi

A cidade de Asbury Park, no estado americano de Nova Jersey, recebeu no último dia 7 de outubro, a parada zumbi anual.

Cada um tem o zumbi que merece, não é mesmo? Aqui no Brasil  nossos zumbis de estimação são ainda mais assustadores, mesmo  sem usar qualquer tipo de maquiagem.

 

Homem ‘que não queria beber sozinho’ invade casa nos EUA

Um homem que “não queria beber sozinho” invadiu a casa de uma mulher e sentou-se no sofá com duas dúzias de cerveja no estado americano da Pensilvânia.

A polícia relatou, que uma mulher ligou para os serviços de emergência para denunciar que o homem tinha invadido a casa dela e se recusava a sair.

Aqui no Brasil, dificilmente, esse invasor seria preso. Mais fácil, a mulher ser considerada maluca por recusar cerveja grátis!

 

Roubo ao Banco Central do Iraque X Roubo ao Banco do Brasil

Quem entraria para o Guiness Book?

A tentativa de assalto à Agência do Banco do Brasil em São Paulo ficaria marcada na história como o maior roubo a banco do mundo, se a polícia não tivesse descoberto a tempo. Só que não…

No que foi, provavelmente, o seu último trabalho interno, Saddam Hussein removeu uma quantia estimada em 1 bilhão de dólares do banco central de seu país poucos dias antes do Iraque ser invadido em 2003. Seu objetivo, de acordo com uma nota escrita à mão, foi “proteger o dinheiro da agressão americana”.

O assalto, por assim dizer, pode ser considerado o maior do mundo em valores totais. De acordo com um funcionário iraquiano com conhecimento do incidente, a remoção do dinheiro foi realizada sob ordens diretas de Saddam. O funcionário, que fez o relato para o jornal New York Times e pediu para não ser identificado, disse que nenhuma lógica financeira havia sido oferecida para remover o dinheiro dos cofres, e que ninguém havia sido avisado que o dinheiro seria levado.

“Quando você recebe uma ordem de Saddam Hussein, você não discute”, teria dito o iraquiano, que ocupou um alto cargo em um banco sob o governo de Saddam.

 

Por hoje é só….

 

Comente